Cade aprova compra de operações do Walmart no Brasil pela Advent sem restrições

O Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) aprovou a venda das operações brasileiras do grupo de varejo americano Walmart para a empresa de investimentos Advent sem impor restrições, segundo despacho publicado no Diário Oficial da União nesta sexta-feira (22).

A operação foi anunciada no início do mês. O Walmart acertou a venda de 80% de suas operações no Brasil para um fundo da Advent, registrando no segundo trimestre uma perda líquida não caixa de cerca de 4,5 bilhões de dólares.

Em parecer, o Cade afirmou que com a aquisição do Walmart Brasil, a Advent terá “sobreposições horizontais apenas parciais ou integrações verticais” em relação às atividades da rede de varejo norte-americana. A Advent tem participação no varejo do país em uma série de redes, incluindo Restoque, de moda de alto padrão, e IMC, dona das redes Viena e Frango Assado.

Em parecer, o Cade afirmou que com a aquisição do Walmart Brasil, a Advent terá “sobreposições horizontais apenas parciais ou integrações verticais” em relação às atividades da rede de varejo norte-americana. A Advent tem participação no varejo do país em uma série de redes, incluindo Restoque, de moda de alto padrão, e IMC, dona das redes Viena e Frango Assado.