Polícia Federal investiga vídeos com ameaças a Bolsonaro

O serviço de inteligência da Polícia Federal (PF) investiga novas ameaças surgidas na internet contra o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), informa o jornal O Globo.

De acordo com a publicação, dois vídeos que circulam nas redes sociais mostram homens armados fazendo ameaças e falando em atirar contra o capitão.

Em mensagens no Twitter publicadas nos dias 3 e 6 deste mês, o vereador Carlos Bolsonaro, um dos filhos do presidente eleito, compartilhou as filmagens advertiu para o risco de se menosprezar os ataques verbais.

“Subestimar este tipo de ameaça diária contra todo brasileiro e tratá-los como vítimas é combustível do caos em nosso país. Bandido no Brasil deita e rola em cima de nossas leis e da Justiça! Se Deus quiser, isso acabará em breve!”, escreveu o vereador.

Num dos vídeos, um homem exibe uma submetralhadora em direção a uma rua escura e, sem mostrar o rosto, faz ameaças. No outro vídeo, um homem segura duas pistolas e diz: “Bolsonaro, tu vai entrar na bala”. Ele está de frente para a câmera e mostra o rosto, sem qualquer receio de ser reconhecido.

A PF está tentando identificar e localizar os autores das ameaças. Para os agentes, tudo indica que são bandidos de alguma facção criminosa.

 

Fonte: bahia.ba